Início Sem Categoria 8 DICAS PARA SE MONTAR UM CIRCUITO MOTOR NA ESCOLA

8 DICAS PARA SE MONTAR UM CIRCUITO MOTOR NA ESCOLA

52
0
COMPARTILHAR

O Circuito Motor é um instrumento pedagógico de grande valor para as aulas de Educação Física, que oportuniza trabalhar um grande número de alunos, proporcionando a todos executarem os movimentos de acordo com suas capacidades individuais e ampliar suas habilidades motoras.
8 DICAS PARA SE MONTAR UM CIRCUITO MOTOR NA ESCOLA
8 DICAS PARA SE MONTAR UM CIRCUITO MOTOR NA ESCOLA
A utilização do treinamento em circuito no espaço escolar é muito importante, principalmente devido à possibilidade de uso múltiplo, que proporciona a prática intensiva de exercícios. Ele pode ser aplicado no campo do desporto, quando se deseja não só empregar um grande número de alunos como também oportunizá-los a execução de um trabalho com resultados satisfatórios.
O circuito motor possibilita que cada aluno aplique a sua carga de esforço, isto é, cada aluno pratica exercícios de acordo com o seu desempenho físico, alcançando assim, um resultado positivo do desempenho máximo individual . Facilita a inclusão no espaço escolar, proporcionando a participação de todos os alunos, sem exceção. O risco de acidentes fica extremamente reduzido, além de proporcionar momentos de cooperação, responsabilidade, autonomia e motivação.
8 coisas para se observar ao programar um circuito motor na escola: 
a) Tempo e aplicação: limite de tempo de aproximadamente 20 minutos. 
b) Montagem e desmontagem dos estágios: deve evitar a utilização de aparelhos volumosos. Cada grupo de participantes ficará responsável pela montagem e desmontagem 
c) Disposição dos estágios: os estágios devem ser dispostos de forma circular ou elíptica para facilitar a troca. Usar números e setas anotadas no chão ou na parede.
d) Proporção de circuito: o número de estágios, que deve ser em torno de 4 a 8, depende do tamanho da turma e do equipamento disponível. Os estádios deverão ser repetidos de 1 a 3 vezes.
e) Escolha de exercícios: deverão ser realizados por todos.
f) Sequência dos exercícios: deverão ser combinados com base numa carga fisiológica o mais variada e ampla possível, alternando os grupamentos musculares e as qualidades físicas.
g) Dosagem do esforço e grau de assimilação dos exercícios: devem ser escolhido de acordo com o sexo e idade. Deve-se precedido de um aquecimento adequado
image_pdfimage_print